artigos

29
Outubro, 2015
"A não ser que seja convencido pelo testemunho das Escrituras..."
Palavra Pastoral

31 de Outubro. 498 Anos da Reforma Protestante.

"A não ser que seja convencido pelo testemunho das Escrituras, estou atado pelas Escrituras que citei. Não posso me retratar e nem o farei. Aqui eu permaneço; que Deus me ajude."

Dia 31 de outubro deste ano será relembrada a Reforma Protestante. Neste dia, há 498 anos, o monge alemão Martinho Lutero cravou na porta do Castelo de Wittenberg suas 95 teses contra a situação eclesiástica daqueles dias. Diante de tamanha repercussão de seus escritos um efeito cascata foi gerado em toda Europa, surpreendendo o próprio monge alemão.

Martinho Lutero propôs a reforma da Igreja Católica e seu retorno às doutrinas e práticas bíblicas, e apresentou cinco pontos essenciais que resultaram no nascimento do Protestantismo:

1-Sola Scriptura: afirmando que a Bíblia é o único padrão pelo qual todos os ensinamentos e doutrinas da igreja devem ser medidos;
Sola Gratia: a salvação é pela graça de Deus apenas;
3-Sola Fide: a justificação é através da fé;
4-Solus Christus: a salvação é encontrada somente em Cristo e unicamente Sua vida sem pecado e expiação substitutiva são suficientes para nossa reconciliação com Deus;
5-Soli Deo Gloria: como cristãos devemos glorificar sempre a Ele, e viver toda a nossa vida somente para sua glória.

Algum tempo depois, em 18 de abril de 1521, Lutero foi chamado para se explicar aos oficiais do Imperador e os representantes do Papa. Neste dia, na presença de todos, John Eck, oficial do arcebispo de Treves, questiona Lutero:

"Estes escrito são teus?"

"Sim" - responde Lutero.

"Tu os retratarás?" - questiona John Eck. Defensor do catolicismo e adversário de Martinho Lutero. Refutou as suas teses e com ele debateu por três semanas na célebre disputa de Leipzig.

Não precisamos ser criativos para imaginar o que se passou pelo coração de Lutero antes de responder. Muita coisa estava em jogo. Primeiro, era a vida do próprio Lutero que estava em jogo, visto que inúmeros reformadores que se manifestaram antes dele terminaram suas vidas atadas a fogueiras e martirizados. Segundo, estava em jogo o seu próprio testemunho de um homem que havia sido iluminado pelas Escrituras. Terceiro, estava em jogo os inúmeros irmãos e irmãs (maioria pobres) que estavam sendo oprimidos por um evangelho totalmente apartado da graça de Cristo. Era muita coisa em jogo. "Negar e viver, ou confirmar e pagar o preço?" Provavelmente isso deve ter passado por sua mente.

Para o nosso bem a resposta de Lutero foi a declaração que abrimos este texto:

"A não ser que seja convencido pelo testemunho das Escrituras, estou atado pelas Escrituras que citei. Não posso me retratar e nem o farei. Aqui eu permaneço; que Deus me ajude."

A Reforma continuou alcançando tantos e tantas em tantos lugares. Se naquele momento houvesse MEDO, AUTOPRESERVAÇÃO, INTERESSES PARTICULARES no coração de Lutero, a história da igreja de Cristo seria um pouco diferente.

Que nesses dias reflitamos em toda sua coragem, em seu exemplo de abnegação em prol de uma causa e amor a Palavra de Deus. Sejamos nós desafiados a honrar a Deus e sua Palavra independente das consequências que venham ocorrer.

Deus abençoe.

Pr. Bruno Uhdre

Compartilhe !
0 Comentários
Deixe um Comentário:
LOCALIZAÇÃO

Av. Rio Branco, 141
Londrina - PR

TELEFONE

(43) 3338-3862

E-MAIL

alezachi@cglondrina.com.br
secretaria@cglondrina.com.br